terça-feira, outubro 17

SINTO QUE NÃO É MORRER, É SOMENTE DESAPARECER E REAPARECER EM OUTRO LUGAR


"A morte neste precioso momento, não faz nada mais que, aquilo que sempre fez, isto é, andar por ai....(interminências da morte - josé saramago)

foto by jeanine lemos boggio

Não é questão de morrer, matar ou se perder por ai, a questão é criptonita, aceitar que você é tropical. Aceitar suas vendas e aceitar que os anos 80 ainda persistem, a doença provocada pela lombriga ética da vida me causa marasmo decorrente. Tenho 2 amigos a quem pedi uma opinião ontem e anteontem. Ambos artistas dos bons me corrigem o palavraedo, me deixam o verbo mais educado, quanta vulgaridade, Selma no filme Un amor Basura...Quanto peso na consciência! A catrefa do mundo que vive dentro dos corpos. Bem que você pensa que dentro de você bóiam as tulipas e gérberas. Ledo engano! Elas São apenas vermes rastejantes dentro do seu esôfago deixando você doente de tanto beber, afogar a vida em jarros doces de pura loucura com gosto de castanholas e gaszpacho!

Exposição Autofágica
A Morte da Carne

A Exposição permanecerá até DEZEMBRO
Local: Era So o Que F l t v
rua Republica Argentina, 1334 - Água Verde
Fone: 413342-0826
CWB - PR

2 comentários:

Alessandro Martins disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.