quarta-feira, dezembro 14

CHUPE UM MÚSCULO


by carne que nao sabe desenhar

:: Imagine um gato dentro de um cachorro, dentro de uma galinha gigante da Era do Gelo. Imagine um camelo no deserto do Saara dentro de um Mamute, dentro de um Cavalão. Imagine tudo isso frito. Imagine todas as pessoas fritas, chupe o molusco, sirva-se a si mesmo uma porção grossa de entranhas. entranhas como ossos de rabo de boi e patinhas gosmentas de galinha. Coloque tudo no Grande Pão e asse no Sol. Isso é Fato.

licença poética do cara do elefante no título.

++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Antigamente as pessoas se matavam por nada, por ideologia. Os punks corriam dos carecas com machadinhas no Largo da Desordem. As meninas eram "riot", usavam roupas da Riachuelo e coturnos da Alfaiataria e sapatos do Samir, coletes, camisetas brancas e saias de tule rockabilly. Qualquer coisa tinha que sair correndo na frente do Linus. Quase fui espancada aos 16 pela Simone do "Camarão". Ela me confundiu e como sou boa em política a convenci que eu não devia morrer. Corriamos em festivais no interior. Em Rio Negrinho a banda do Luciano e da Lis, os head bangers queriam matar a gente. As meninas eram mais fortes. Eu lembro de mim, Tita, Thais, Vanessa pegando madrugueiros, a Tita era minha ídola, dava coturnadas e fazia os meninos chorarem. Eu lembro que as mulheres eram menos chatas. Hoje elas são dindinhas, vestem Herchcovitch. Sonham com o Bezzi. Pouco punk rock. Mas bem-vinda Karenzinha ao mundo dos trintões. Tô saudosita, culpa do Luli da Ana estes dias todos lembrando aventuras terríveis. Acho um pouco bom. eu adoro isso e aquilo também. Lembrei do Marião que era um querido e levou um tiro, do Daniel irmão do Cassim, lembrei da Cris que se enforcou e do Pedro da 801 que morreu igual ao Ian curtis. Karen, pare já de ouvir Joy division! Pare de Falar sozinha. tá bom, mamãe. Normam, Normam....

Karen entrando na psicose do Natal: vômito.

5 comentários:

Priscilla Foggiato disse...

Hei, você me lembrou o post do Perupatolinha, da Zel, que anda circulando na net. De rir e chorar. Vê lá, se quiser... http://www.zel.com.br/

Aitel disse...

pare já de ouvir richard klayderman, carne! no natal isso mata.

TITA disse...

ahaha. eu fazia chorar e implorar. credo. na verdade eu ERA mais forte. hoje virei maricas.

CARNE disse...

eu lembro tita, tô ouvindo divisão da alegria!

Matias disse...

Eu procurando como que diz manjericão em inglês e chego num comment da Pris? Ai, caralho, o mundo é um lenço e o Google tb.